Pular para o conteúdo principal

O QUE É PARENTALIDADE?

 


O que é parentalidade?

O processo de parentificação se relaciona ao campo dos cuidados e trocas estabelecidas entre os principais cuidadores e a criança.

Este processo também se inicia antes da chegada de uma criança. Vai se construindo a partir da transmissão consciente e inconsciente da história infantil dos adultos que farão função materna e paterna, de seus conflitos, da relação com seus próprios cuidadores. Tudo isso influencia a própria representação sobre a parentalidade. Por isso, a parentalidade não se restringe à gestação e ao nascimento de um filho.

A chegada de uma criança produz uma mudança irreversível no psiquismo parental. Tendemos a considerar apenas os pais biológicos como responsáveis por facilitar o desenvolvimento de seus filhos nos níveis físico, psicológico e social. No entanto, a parentalidade pode ser desempenhada por outros adultos que sejam responsáveis pela criança.

Assim, conceito evoluiu para o de “parentalidade compartilhada”, com a participação não só dos pais, mas dos avós, tios, padrinhos, amigos ou qualquer adulto que se responsabilize pela criança.

Comentários

  1. The drop of downloads will most probably result in declining income in 2022. Following obtain peaks for all sport classes in 2020, revenues continued to grow throughout all classes in 2021. The Casino class saw a +27% 3Y CAGR since 2018, including a 9% enhance between 2020 and 2021. Playtika and Moon Active were the highest publishers of Casino titles in 2020 and 2021 phrases of|when it comes to|by method of} both 메리트카지노 income and downloads.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

ANÁLISE "A FILHA PERDIDA", ELENA FERRANTE | Débora Andrade

ANÁLISE DA SÉRIE 'BOM DIA, VERÔNICA'

Bom dia, Verônica é o mais recente lançamento da plataforma Netflix. A série brasileira retrata a trama de uma delegacia de homicídios na investigação de um abusador em série e de um serial killer. Longe de ser uma imitação norte-americana, a história se desenrola tratando a realidade brasileira de forma realista. Envoltos no suspense, sentimos a cada cena, o corte do real, a violência escancarada. De forma trágica e realista, a série gira em torno, principalmente, da relação entre a mulher e a violência no Brasil.  Só em abril deste ano, no início da quarentena as denúncias de violação aos direitos das mulheres, feitas pelo telefone 180, aumentaram 36% em comparação ao mesmo período de 2019. No enlace entre ficção e realidade, personagem e roteiro juntam-se para divulgar o telefone da própria Verônica, a escrivã que confronta o abusador sexual. Pelo (21) 3747-2600 mulheres vítimas de agressão podem buscar ajuda e receber apoio de especialistas. Já comecei o primeiro episódio impactada